Empresa é homenageada pela Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social, em solenidade realizada no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso

Por Myllena Diniz

A Imprensa Oficial Graciliano Ramos foi uma das homenageadas, nesta terça-feira (4), com o Selo Ressocializador, concedido pela Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social (Seris). A honraria é fruto da atuação da empresa em prol da reintegração de egressos do sistema penitenciário no mercado de trabalho e no convívio com a sociedade. Ao todo, foram premiadas 32 instituições públicas e privadas, além de 13 agentes ressocializadores.

De acordo com o diretor-presidente da Imprensa Oficial, Dagoberto Omena, a premiação é o reflexo de um trabalho integrado com implicações diretas no desenvolvimento social e na melhoria da segurança pública no Estado de Alagoas. “Nos últimos anos, o Governo de Alagoas intensificou as ações para a recuperação de indivíduos apenados, com o intuito de reintegrá-los ao convívio social, e nós abraçamos a causa, por compreendermos que o trabalho é um meio de resgate da dignidade humana”, destacou.

O gestor enfatizou, ainda, o papel transformador da reintegração. “A ressocialização, de um modo geral, torna o indivíduo útil, tanto para si e para a sua família quanto para a sociedade. No caso da Imprensa Oficial, por exemplo, os reeducandos têm a oportunidade de confeccionar livros da melhor qualidade. Eles não só aprendem um ofício e encontram uma nova saída para as suas vidas, mas entregam produtos que disseminam a literatura alagoana”, avaliou Dagoberto Omena.

A Imprensa Oficial é parceira da Seris desde 2016, com vagas destinadas a reeducandos nas áreas de serviços gerais, gráficos e de vigilância. Entre os contemplados, está Paulo Lima, funcionário da empresa há dois anos. “Hoje, sou pai de duas crianças e sei o quanto elas precisam de mim. Não posso mais andar para trás. Eu errei, mas agora eu só quero acertar. E o trabalho na gráfica transformou a minha vida. Do mesmo sangue, só tenho ao meu lado meu pai e meus filhos… Então, aqui, eu encontrei a minha nova família”, refletiu.

Selo Ressocializador

A criação do Selo Ressocializador advém do Decreto nº 20.787, publicado no Diário Oficial de Alagoas, no dia 27 de junho de 2012. Graças aos convênios celebrados entre a Secretaria e a rede de parceiros, mais de 700 custodiados dos regimes semiaberto e aberto estão inseridos no mercado de trabalho.